Segredo Gostoso: Mr. Pasta

Quote

This slideshow requires JavaScript.

Miami e cheio de segredos não audíveis pelos ouvidos dos turistas que passam por aqui a caminho de Orlando ou a procura de chaveirinho com pôr-do-sol.

Um deles, é o Mr. Pasta. O nome diz tudo.

Tome nota: pois no próximo jantarzinho  regado a vinho, passe no Mr. Pasta, compre massa fresca artesanal e delicie seus convidados com um produto local digno de ser filmado pelo  proprio Jamie Oliver do Naked Chef.

Mr. Pasta é instituição em Miami Beach. A simples lojinha, com antigas maquinas de cortar tagliatelle e selar raviólis na vitrine, já esta na Collins com a 72, a um bloco da praia, a mais de 20 anos.  Vende massa fresca para os melhores restaurantes da cidade — mas este segredo é mantido a sete-chaves.

Olha que já morei em Nova York e Milão, mas estou convencida que estes argentinos do Mr. Pasta sabem fazer ravióli como poucos: de abobora, de mozarela e manjericão, de lagosta, de frango. O linguini de tinta de lula também é imperdível — as fitas negras cozinham em 2 minutos e possuem um sabor leve, perfeito e sem pretensões.

Mr. Pasta é festa pronta e tudo de bom: é so  abrir o vinho e ferver a agua…

Mr. Pasta: 7311 Collins Ave, Miami Beach, FL.

Delicious Secret: Mr. Pasta [get lost in the translation at your own risk]

Miami is full of secrets that tourists who pass through here on their way to Orlando or searching for key chains with golden sunsets cannot hear.

One of them is Mr. Pasta, and the name says it all.

Take note. Next time you throw a dinner party at home with vintage bottles of wine, go get some fresh handmade ravioli and cook to impress. You will delight your guests with a local product from a local purveyor worthy a visit by the Naked Chef, Jamie Oliver, king of the locavores.

Mr. Pasta is an institution in Miami Beach. The simple shop, located on 72nd Street and Collins Avenue, bothers not with looks. The window is the parking spot for old machines that have been cutting fresh tagliatelle and ravioli for over 20 years.

The owners sell fresh pasta to the best restaurants in town – but that’s a secret well kept. I have lived in New York and Milan, but I am convinced that these Argentines know how to make ravioli like few —choose  from an array of flavors from  pumpkin, to mozzarella and basil, to  lobster and chicken. The black squid linguini is also a must — the long black ribbons cook in 2 minutes and they are very light in flavor, without pretenses.

Mr. Pasta is a ready-to-go dinner party: just open the wine and boil the water …

Mr. Pasta: 7311 Collins Ave, Miami Beach, FL. 

Miami Design District

Quote

This slideshow requires JavaScript.

Exclusivo. Caro. Chic. Moderno. Super ‘Cool’.  Ferva com a nata da moda e da arte, esqueca a praia, cruze a ponte e conheca o Miami Design District.

A área, formada de prédios históricos e pequenos galpões comerciais era um sonho audacioso do empreendedor Craig Robins – que trazia em sua bagagem a experiência do projeto de revitalização urbana de áreas em Miami Beach desde 1987.

No final dos anos 90, quando começou a comprar as propriedades históricas, o bairro –situado a 10 minutos da Miami Beach, atravessando a ponte que une a ilha ao continente — era um decadente centro comercial.  Antes, muito antes, nos anos 60, quando Miami vivia sua primavera dourada, era uma vibrante destinação para decoradores. Vieram o anos 80, e a cidade esqueceu deste bairro, contido em 18 quarteirões.

Depois da hibernação o bairro acordou em batuque comercial graças a um projeto de marketing imobiliário de gênio que combina arte, moda, gastronomia e design — e muito capital.  Hoje, com sonho materializado, Craig Robins e sua empresa DACRA, dominam um dos mais ativos conjuntos comerciais do  mundo e seus clientes vão de Cartier e Hermes a celebrados mestres de culinária internacional tais como Michael Schwartz e Michele Bernestein a galerias e artistas contemporâneos tais como a coletiva Friends With You.

Nos últimos  quatro meses,  os negócios explodiram e o Design District se tornou a Mecca do luxo. As marcas continuam chegando, se desfazendo de seus negócios em shopping centers mais estabelecidos, tais como Bal Harbour, para participar da proposta arrojada de Craig Robins.

A Hermes, a icônica marca Parisiense, sinônimo de luxo na moda, acaba de fechar contrato de locação no que será a sua maior loja na Florida – mais de 9 mil metros quadrados. Segundo Robert Chávez,  CEO da Hermes USA em entrevista para o Financial Times:  “Os planos do Craig Robbins para área são dinâmicos. O que ele esta criando é incrível e nos queremos se participar.”

E a Hermes esta em boa companhia: Louis Vuitton, Dior, Cartier, Margiela, Yogi Yamamoto, Marni seguiram caminho que foi aberto por Christian Loboutin, a marca francesa dos sapatos caríssimos com a solas vermelhas tão cobiçados pelas mulheres.

Porém, moda não é a única categoria que esta área  comercial esta atraindo, as grandes lojas de decoração e móveis também já marcaram presença: Kartell, Vitra Fendi Casa, Holly Hunt, Luminaire,  Jonathan Adler. Entre os grandes nomes, encontra-se também a Ornare, do empresário brasileiro Claudio Faria. A badaladíssima loja e destinação dos grandes arquitetos e decoradores que insaciavelmente buscam seus objetos e moveis para finalizar os projetos residenciais nos condomínios de luxo em Miami.

Os preços de locação por metro quadrado comercial na região podem chegar a mais de $200 por metro quadrado. “A qualidade da sinergia comercial que oferecemos agora na área é inigualável. é a oportunidade para empresas dividirem espaços com as maiores marcas de luxo mundiais e promoverem suas marcas no fórum internacional de design, moda, gastronomia e arte,” conta Lyle Chariff o ‘power-broker’ do Design District.

MyBrickell: Cores e Nomes

Quote

This slideshow requires JavaScript.

2012 marca a guinada no mercado imobiliário de Miami— é o primeiro ano que traz empreendimentos e construção nova desde 2009. Dos projetos sendo vendidos na planta, o meu favorito é o condominio MyBrickell da Related Group, do empresário Jorge Perez.

O MyBrickell é emblemático do tipo de casamento entre design, arquitetura e arte que o comprador encontra na Miami contemporânea.

Os 192 apartamentos – apreçados a partir de $180 mil dólares para  unidades de 60 metros quadrados – estão vendendo rapidamente na planta.

E a razão é simples: um bom produto a preço moderado. Projeto similar em São Paulo, segundo dados da Folha de São Paulo, estão vendendo pelo dobro.

Mas Miami não é Sampa: oferece segurança, excelente compras, gastronomia invejável e uma cena cultural que mantém o mundo da arte sempre com um biquíni na bolsa.

O projeto se destaca no porte e proposta: a torre de 28 andares – bem pequena para a Brickell, coração financeiro de Miami – esta sendo projetada com imaginação cativante e cores fortes, uma afronta ao minimalismo chic dos outros prédios da area.

Porém a  ‘hashtag’  vai mesmo para o Karim Rashid, o prolifero designer que possui mais de 3 mil projetos em produção em 35 paises. Para este condominio Rashid impõe sua estética marcada por formas amorfas e cores vibrantes, sublinhando a cor laranja em janelas, vidros e piso.

Para completar seu sonho de modernismo tropical, Rashid enlistou a estrela do paisagismo Americano – fiel seguidor de Burle Marx—Raymond Jungles que infiltrará o projeto com vegetação local e inovadora e um je ne sais quoi de Brasil.

A construção será da Arquitectonica, o iconico grupo  responsável por muitos do projetos símbolos da cidade. Entrega de chaves esta marcado para o começo de 2013.

Sucesso é garantido, segundo a Related Group, que está vendendo o projeto com ajuda do mercado imobiliario local fumejando com compradores internacionais, todas as unidades to tipo kitchenette ja foram vendidas.

Clique para acessar  folheto digital

Interessado na Brickell Avenue e todas as sua oportunidades imobiliárias? Contate: Geane Brito 305-814-5004 ou via email: geane@chariff.com… consultoria imobiliária completa e com bom gosto!